Anotações sobre o ambiente

goat balls - by Steven Alexander

goat balls - by Steven Alexander

Quem me acompanha há algum tempo sabe que sou fã do escritor americano Henry Thoreau, especialmente por sua obra “Walden”. Neste livro, além de filosofar sobre a vida, o homem e a sociedade da época (1850), ele observou e descreveu a natureza nos arredores de sua cabana, às margens do lago Walden, em Massachusetts. A novidade é que as anotações feitas por Thoreau sobre a vegetação da região estão sendo usadas agora por pesquisadores para avaliar as mudanças ocorridas no clima desde o século XIX. Gostei de ler isso, não só pelo meu interesse pela obra do escritor, mas por valorizar o tipo de gente que dá atenção ao que acontece ao seu redor, mesmo sem pretensões científicas, apenas pelo simples deleite, digamos assim.

Nesse sentido, conheci há pouco tempo o blog Tropical Biodiversity, de  Steven Alexander, um americano que vive há décadas em Santarém-PA, e registra a fauna e a flora da região, aparentemente por hobby. Ele publica boas fotos e descreve cada um dos elementos fotografados. Quando encontra algo desconhecido,  pede ajuda aos nativos e aos leitores do blog. O que ele e Thoureau têm em comum? a experiência de vida em um bosque rico de informações e a intenção de compartilhar novidades sobre um ambiente um pouco misterioso e interessante para muita gente.

Por outro lado, acredito que, mesmo hoje, Thoreau não teria um blog para descrever o modo simples de viver em uma cabana no meio do mato.

8 respostas para Anotações sobre o ambiente

  1. Não precisa ouvir Little Joy, foi dica de uma dica, não 100% aprovada.
    Mas Hurtmold eu recomendo.

  2. GABI disse:

    Nossa, quanto tempo.

    Espero que esteja tudo certo contigo.

    Bjos!

  3. Cássia disse:

    Você me fez lembrar de um senhor Roberto Kautisky – ou algo assim – que reside há anos na região de Domingos Martins.
    Ele registra e cultiva e dissemina seu conhecimento sobre as bromélias.
    Muitas tem seu nome.
    É famoso, o danado!
    🙂

  4. juca disse:

    Uma cabana no meio do mato. Tenho uma.
    E meu blog “na cidade”. Sinto falta de um quando estou na outra. E vv.
    Recomendo os dois.
    Bjs

  5. hanny disse:

    engraçado…
    em um dos passeios por aqui, para conhecer a “fauna e a flora” da cidade grande, entrei em um sebo, achei o Walden e o trouxe pra casa. Lembrei de vc, claro, pelo seu gosto pelo autor e papos já compartilhados.
    esse mundo é cheio de surpresa boa. seja no sebo da esquina, em santarém ou na web.
    tropical biodiversity favoritado =)

    bjo

  6. hermes disse:

    A Pérola do Tapajós…tem de tudo!

  7. Isis disse:

    Linda a foto e muito interessante essa relação passado-presente. Com tanta informações que produzimos hoje, bem possível que aconteça o mesmo no futuro!

  8. Gil Serique disse:

    Alem do bosque Sta Lucia e do blog, meu amigo Steven tambem divide o que sabe e o que nao sabe no seu livro não tao recentemente publicado.
    Bem colocado o post como todos os outros.

    GS

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: